//
você está lendo...
Adriano Anovamente Woellner, Poesias e Pensatos

Pois não? …então, num sei, quais são os Direitos Humanos, mermão!

Questão do Exame Universal da Vida (mortal & imortal)

circulo

em todo lugar

lembro, relembro e esqueço

homens, mulheres, idosos, crianças (e animais)

oriundos da marginalidade, do preconceito, da discriminação

da mesquinha desumanidade perversa da sociedade civil (classificada)

,

me esforço, pago, rezo

tento tudo pra (não) ver

as pessoas que sobrevivem

abaixo da linha da pobreza (na miséria)

analfabetos, moradores de rua

vítimas da violência, da exploração sexual

dependentes de drogas (lícitas e ilícitas)

presos, ex-detentos e seus familiares

pessoas com deficiência, aposentados por invalidez

com doenças incuráveis, indígenas, quilombolas

assentados, afrodescendentes, população GLTB, ciganos

e outros, exclusivamente excluídos, que não conheço, não me recordo

,

mas são tantos e tantas Minorias, que não seriam a Maioria?!?

,

bora, prum papo cabeça (coração e mãos)

com toda a Relatividade da vida (e das Leis do universo)

existe sim, a Livre Decisão (Livre Arbítrio)

nós, indivíduos (ímpares)

estamos interligados

somos interdependentes

e é pessoal, transpessoal e universal

,

é da Interação da Diversidade

que se dá a Integridade (Unidade)

sem relação, não há movimento

sem movimento, não há crescimento

sem crescimento, não há expansão

não há contextualização, entendimento, compreensão

,

só ter conhecimento

estar informado, conformado

ou inerte inconformado

não quer dizer que há Reflexão

se não há Doação, Receptividade e Relação

não há Transformação

nem a Síntese do Processo de Evolução (a Compreensão)

,

para Educar é preciso Aprender e Ensinar

mas cada vez mais, pessoas adultas e jovens

se Irresponsabilizam por si, por seus filhos

pelo o que fazem e não fazem

aí eu novamente (me) pergunto:

quem é Vítima e quem é Culpado?

e Culpabilizar e Vitimizar, prorroga ou resolvi?

,

arrisco, me exponho, manifesto que é

necessário assumir a nossa (e própria) história

pois, não comprometer-se

não isenta da responsa que é estar Vivo! (em saudável Convívio)

,

Adriano Anovamente Woellner é artista das letras, formas, cores e sons, bacharel em Gravura (EMBAP). Este artigo reflete as opiniões do autor. O site não se responsabiliza e nem pode ser responsabilizado pelas informações acima ou por prejuízos de qualquer natureza em decorrência do uso dessas informações.

Anúncios

Sobre a nOw aMe n t e

m e s m O u t r o

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: