//
você está lendo...
Carlos Evangelista, Poesia

Timidez para amar

heart-300x269
Indiscreto coração
Molengo em confusão.
Se não ama entristece
Quando gosta emudece.

Alvissareiro quer expressar
Mas é grande o medo de errar
Então se encolhe como tentáculos
Reluta diante dos obstáculos
Incógnitos, infindáveis
Dos não memoráveis.

Vá coração, seja forte
Avante, busque um norte
Não titubeie diante das incertezas
Quem sabe sua coragem lhe dará destreza
Para um verdadeiro amor conquistar
E com ele compartilhar sonhos e amar.
Carlos Evangelista é jornalista (ESEEI) e especialista em Sociologia Política (UFPR). Este artigo reflete as opiniões do autor. O site não se responsabiliza e nem pode ser responsabilizado pelas informações acima ou por prejuízos de qualquer natureza em decorrência do uso dessas informações.

Anúncios

Discussão

Um comentário sobre “Timidez para amar

  1. Reblogged this on " F I N I T U D E ".

    Publicado por acoplador | 30 de março de 2013, 11:48 am

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: